Club de
Marília
4 de Abril

A VISÃO DO ROTARY

Nós seremos a organização de serviços humanitários preferida pela maioria, com Clubes dinâmicos e atuantes, dedicados a melhorar as condições de vida em comunidades do mundo inteiro.


Notícias do Clube

Lançado em Marília o primeiro Clube Satélite

Em cerimônia realizada nas dependências do Quality Hotel Sun Valley, na cidade de Marília, na reunião ordinária do Rotary Club de Marília-Pioneiro, pelo Distrito 4510 do Rotary International, o primeiro “Clube Satélite” do centro oeste paulista, com a formação de um grupo composto por oito pessoas da cidade de Echaporã, localizada a 35 quilômetros de Marília. “É o primeiro de uma série de vários que planejamos desenvolver na região”, disse o Governador do D4510 do RI, o meteorologista Maurício de Agostinho Antônio, associado do Rotary Club de Bauru-Terra Branca, presente na cerimônia de lançamento. “Faz dias que estamos mantendo contato com o pessoal de Echaporã e agora chegou a hora da oficialização do programa”, disse a presidente do clube rotário mariliense, a advogada Angela Cecília Giovanetti Teixeira, que vai apadrinhar o grupo echaporense. O Programa de Clube Satélite é uma novidade, recentemente instituído pelo Rotary International, permitindo que um grupo mínimo de oito pessoas possa formar um clube rotário, atrelado com um clube constituído formalmente. “Trata-se de uma alternativa para possibilitar que pequenas comunidades possam contar com os programas e produtos do Rotary International”, disse o jornalista Márcio Cavalca Medeiros, que faz parte do Rotary Club de Marília-Pioneiro e que vinha mantendo o elo com o grupo echaporense. “Desta forma o Marília-Pioneiro vai estruturar o grupo para que futuramente se torne um clube rotário formal, mas já devidamente consolidado, sem pressa”, completou o rotariano que esteve como Governador do D4510 do RI, na Gestão 2011-12. De acordo com Moisés Antônio Leite, presidente da Associação Comercial e Industrial de Echaporã, sempre foi um desejo deste grupo em criar um Rotary Club na cidade e foram várias as tentativas, porém, sempre com as dificuldades em reunir 20 associados comprometidos, como é necessário para um clube ser constituído formalmente. “Tenho certeza que o Rotary irá contribuir muito para a melhoria na qualidade de vida da comunidade de Echaporã, através dos programas humanitários, pelos companheiros e companheiras do Marília-Pioneiro”, disse ao falar em nome dos associados empossados em cerimônia realizada em Marília. “Echaporã é uma cidade pitoresca, que tem uma particularidade diferente das demais, e agora com o Rotary na cidade, vamos fortalecer ainda mais a qualidade de vida da nossa comunidade”, falou o rotariano empossado pelo programa do clube satélite. ECHAPORÃ – Localizada no centro oeste paulista entre as cidades de Marília e Assis, pela SP 333, Echaporã conta com aproximadamente 7 mil habitantes, a 700 metros do nível do mar, estando na divisa entre as bacias do Paranapanema e do Peixe, cercada por itambés e vegetação nativa apropriada para o ecoturismo na Serra do Mirante. “Echaporã quer dizer: Bela Vista, pelo fato de ficarmos numa região privilegiada com vistas dos mais belos vales da região”, disse Moisés Antônio Leite ao apresentar o grupo e a cidade pela primeira vez numa reunião rotária. “Vamos iniciar os entendimento com os grupos de Gália, Quintana, Pedrinhas Paulista, Oriente, Paulicéia, entre outras, que já demonstraram interesse em formar participar como Clube Satélite”, disse animado Mauricio de Agostinho Antônio. O clube rotário mariliense está com 22 anos de fundação e passa a contar com 21 associados, patrocinando um clube satélite e um Rotaract Club. #Eficaz Comunicação Empresarial Ltda – METelefone:(14) 98137.7189 (Vivo) E-mails: redacao@eficaz.jor.br ou atendimento@eficaz.jor.brSite: www.eficaz.jor.br - Twitter: marciocmedeirosSkype: marciomedeiros8020www.facebook.com/EficazComunicacaoEmpresarial

Postado em 17 de Abril de 2018 por

Marília-Pioneiro homenageia Valdir Cezar com medalha

Os rotarianos que fazem parte do Rotary Club de Marília-Pioneiro, no Distrito 4510 do Rotary International, homenagearão o arquiteto Valdir Cezar, fundador da “Chácara O Circo”, com a Medalha do Pioneiro, dentro das festividades de aniversário do clube rotário mariliense, neste mês de abril, que completa 22 anos de fundação. A cerimônia está marcada para o dia 23, segunda-feira, as 20 horas, nas dependências do Quality Hotel Sun Valley, local das reuniões semanais entre os rotarianos. “A escolha se deve pelo pioneiro do Valdir Cezar, como pessoa e pelo trabalho importante que a Chácara O Circo desenvolve na comunidade mariliense há mais de 45 anos”, ressaltou a advogada Angela Cecilia Giovanetti Teixeira, presidente do Rotary Club de Marília-Pioneiro ao fazer o anúncio da homenagem. Reunindo famílias que misturam entretenimento, companheirismo e atividades filantrópicas aos finais de semana, em 1976 foi erguida uma tenda semelhante a de um circo, para a realização de apresentações artísticas, que contou, na época, com as presenças do automobilista Chico Landi, o cantor Roberto Luna, os radialistas Fiori Gigliotti, Osmar Santos, Oswaldo Maciel, Grupo Seresta, Grupo Truvejo e diversos trios sertanejos na primeira Frater (Feira da Fraternidade), com as presenças ainda de Benito de Paula e Jair Rodrigues, quando começaram as atividades filantrópicas de um grupo de pessoas ligadas ao futebol de final de semana, nas Chácaras O Circo e V Arkos. “Depois vieram os almoços filantrópicos para beneficiar as entidades de Marília”, lembrou Maura Amábile Betti Fagundes de Queiroz, ao relembrar as ações pioneiras deste grupo atuante até os dias de hoje. Com o slogan: O Circo – a alegria e a solidariedade, inúmeras atividades foram criadas pelos integrantes da chácara, que realizavam ações filantrópicas em datas comemorativas beneficiando entidades como: Lar São Vicente de Paulo, as igrejas de São Benedito e Nossa Senhora Aparecida, que foram as primeiras beneficiadas na década de 70 e hoje muitas delas já receberam cestas básicas, computadores, cobertores, livros, material esportivo, dentre outros benefícios. “Existe o Troféu Marina Betti Cezar que destaca uma entidade assistencial de Marília que tenha um relevante serviço na comunidade”, acrescentou a rotariana Leila Soares Silvados, ao lembrar da organização do grupo que se mantem a quase 50 anos. “A entrega ocorre no tradicional almoço promovido em outubro pelos integrantes da chácara, quando os recursos são destinados às entidades filantrópicas, também”, acrescentou a rotariana do Marília-Pioneiro. A Medalha do Pioneiro é uma forma que o clube rotário mariliense encontrou de destacar pessoas que tenham tido ações pioneiras na comunidade de Marília que tenham promovido transformações na sociedade. Já receberam a Medalha do Pioneiro: Clóvis de Cerqueira César, Anselmo Scarano, Euthália Battaiolla, Vera Lúcia Lorenzetti Gelás, Jean Paul Lebau, Hilário Maldonado, Manoel Lopes, Yoshimi Shintaku, Octacílio Augusto Novo, Rosalina Tanuri, Walter Rino, Haydee Monteiro, Paulo Borini, e por último, no ano passado, para Maria Lygia de Oliveira Belluci. “Desde 2004 fazemos este destaque para pessoas que influenciaram de alguma maneira a comunidade de Marília”, reforçou Angela Cecilia Giovanetti Teixeira ao enumerar os 13 beneficiados com a medalha, até então. #Eficaz Comunicação Empresarial Ltda – METelefone:(14) 98137.7189 (Vivo) E-mails: redacao@eficaz.jor.br ou atendimento@eficaz.jor.brSite: www.eficaz.jor.br - Twitter: marciocmedeirosSkype: marciomedeiros8020www.facebook.com/EficazComunicacaoEmpresarial

Postado em 16 de Abril de 2018 por

Padaria recebe investimento da Fundação Rotária

A padaria comunitária localizada no Centro Comunitário Jardim Marajó, envolvendo os bairros do Jardim Santa Paula, Homero Zaninoto, Jardim Alimentação e Esplanada, na Zona Leste da cidade de Marília recebeu investimento da The Rotary Fundation, através do Rotary Club de Marília-Pioneiro, pelo Programa de Subsidio do Distrito 4510 do Rotary International, na ordem de R$5.636,70 para a aquisição de dois equipamentos importantes para a produção de pães, doces e salgados: um cilindro de 300mm e uma masseira de 60hz. “Fizemos um levantamento da necessidade e eles apontaram esses dois equipamentos como fundamentais para a melhoria na produção da padaria”, disse a presidente do clube rotário mariliense, a advogada Angela Cecília Giovanetti Teixeira, que esteve com outros rotarianos promovendo a entrega dos equipamentos. De acordo com a dirigente rotária local o investimento foi compartilhado entre a The Rotary Fundation e o Rotary Club de Marília-Pioneiro, sendo a maior parte da fundação rotária. “Dai a necessidade da comunidade, em geral, colaborar com as ações do clube”, disse a empresária Vera Lúcia Marques da Costa ao lembrar da importância de se realizar alguns eventos próprios, para ter recursos financeiros para completar o investimento na comunidade. “Sempre quando a nossa fundação rotária participa com uma parte do investimento, a outra é de responsabilidade do clube”, completou a rotariana ao apontar o Festival de Prêmios e a Costelada Solidária como as principais ações do clube rotário mariliense com o propósito de se conseguir recursos financeiros para serem aplicados neste tipo de investimento. Segundo a funcionária pública, Maura Amábile Betti Fagundes de Queiroz, esta padaria comunitária funciona nos fundos de uma residência desde o ano passado, na produção de pães, doces e salgados, para atender a comunidade local que apresenta vulnerabilidade econômica, social e cultural. “São 10 voluntários envolvidos, que produzem 80 unidades que são comercializados ao preço de custo para a população carente”, disse a rotariana que esteve como Governadora do D4510 do Rotary International, na Gestão 2004-05. “Com a aquisição desses equipamentos a produção será maior, atendendo um número maior de beneficiados”, completou a rotariana que estima um impacto social entre 400 pessoas na faixa etária dos 07 aos 80 anos de idade. Anualmente os rotarianos que fazem parte do Rotary Club de Marília-Pioneiro elaboram projetos com o subsídio distrital. “Sempre estamos colaborando de forma simples com a comunidade mariliense, variando as entidades beneficiadas”, comentou Angela Cecília Giovanetti Teixeira ao citar entidades como: Amor de Mãe, Mansão Ismael, Restaurante Infantil, Banco de Leite Materno, dentre outras entidades como beneficiadas com este tipo de investimento. “Agora queremos fazer um “projeto global” com investimento entorno de R$ 100 mil”, anunciou a presidente, cujo o clube está em entendimento com um parceiro no exterior para viabilizar o investimento com a The Rotary Fundation na comunidade mariliense através do Rotary Club de Marília-Pioneiro. #Eficaz Comunicação Empresarial Ltda – METelefone:(14) 98137.7189 (Vivo) E-mails: redacao@eficaz.jor.br ou atendimento@eficaz.jor.brSite: www.eficaz.jor.br - Twitter: marciocmedeirosSkype: marciomedeiros8020www.facebook.com/EficazComunicacaoEmpresarial

Postado em 11 de Abril de 2018 por

Reuniões Quintas-Feiras | 20:15
Alves Hotel - R. 24 dezembro,1236